Número de empreendedores licenciados para o Carnaval aumentou nos últimos anos

O Carnaval é uma festa intrinsecamente ligada à cultura brasileira e um dos momentos mais importantes para o nosso país. Milhões de pessoas partem de todo o mundo para viajar até ao país do Samba e viver com o povo brasileiro esta festa cheia de cores, alegria e amor. Ainda não se sabe ao certo qual é o valor real do impacto do Carnaval na economia do país, contudo algumas estimativas realizadas por estudos acadêmicos revelam que chegam aos bilhões de dólares. Só no Rio de Janeiro, o Carnaval é responsável de uma grande parte dos 700 mil visitantes anuais que passam pela cidade. Em 2014, o Carnaval esteve envolvido em mais de 5 bilhões de reais só nos setores hoteleiros e comerciais.

A partir destes dados é compreensível o interesse de empresários em torno da festa carnavalesca. De acordo com o Empreendedor.com, os serviços que colaboram com esta festa chegaram aos 272% nos últimos cinco anos. Este número tem que ver com empreendedores individuais que trabalham em algo relacionado com a melhor festa do mês de Fevereiro. A notícia adianta que, segundo a empresa que fez o calculo do estudo (Sebrae), em 2011 o número de empreendedores legalizados eram de 33,8 mil e no ano passado esse número subiu para os 126 mil empreendedores.

A empresa que elaborou o estudo teve em conta o número de empreendedores que prestam serviços em dez atividades (palcos, música, produção de roupa, sapatos alimentação, etc), nas principais cidades brasileiras.

Segundo o presidente do Sebrae, “as escolas de sambas, os blocos e a própria prefeitura dão prioridade de contratação para quem tem um CNPJ. Com isso, a formalização se faz necessária para atender as demandas desses clientes durante e depois do carnaval”.

Centrando as atenções no desenvolvimento dos números em cada cidade analisada pelo levantamento da Sebrae, a cidade carioca foi a cidade em que o número de empreendedores mais aumentou nos últimos cinco anos. De acordo a notícia, o número de licenças atribuídas pelos organismos públicos teve um crescimento acima dos 300%. Por outro lado, São Paulo foi outra das cidades brasileiras que sofreu um aumento considerável de empreendedores licenciados. O número de empreendedores na cidade paulista aumentou para 286%.

 

 

Falando de empreendedorismo

Poucos são os que conhecem o verdadeiro significado do empreendedorismo, muitos associam uma pessoa empreendedora, com uma pessoa dona de negócio ou empresa. Mas um empreendedor genuíno, vai além de uma pessoa cheia de bens. Empreendedor é aquela pessoa que busca sempre se inovar, que enxerga além dos outros, fora da caixa. Uma pessoa que não vive no comodismo e não se importa de deixar sua zona de conforto. Busca por novas e criativas soluções para resolver seus conflitos profissionais. Não se inibe perante os desafios, mas os usa para alcançar o sucesso, suas metas e objetivos pessoais. O Brasil apesar de enfrentar uma dura crise econômica, está no ranking dos países com o maior número de empreendedores do mundo. Aquele famoso jeitinho brasileiro está com certeza dando bons resultados no mundo do empreendedorismo. Em geral os brasileiros possuem uma personalidade criativa, corajosa e arrojada. Um empreendedor consegue identificar oportunidades onde não parece existir. Força de vontade e auto confiança é mais uma das características de um empreendedor. Tentam fazer tudo da forma mais simples e com menos custos possíveis, mas com qualidade. Estudam o melhor caminho para cada decisão que precisam tomar. Buscam por capacitação e aperfeiçoamento constantemente. Afinal ninguém é tão bom que não possa aprender um pouco mais. Um empreendedor sabe valorizar aqueles que estão ao seu lado no mundo dos negócios, valoriza sua equipe, seu sócio. É um tabu acreditar que somente empreendedores de grande porte são sucesso, pequenos empreendedores também são. O empreendedor entende que só se chega ao topo, subindo degrau por degrau, que nada vem fácil e que é através de muita luta e trabalho que ele conseguirá se erguer. Sabe esperar para colher seus frutos na hora certa. Afinal quando se tenta colher um fruto antes da hora, certamente ele está verde e depois da hora já terá apodrecido. No mundo dos negócios também funciona assim, existe tempo certo para tudo. O Brasil é considerado um país empreendedor. Existem vários tipos de pessoas, cada uma com suas características únicas, do mesmo jeito também existem vários tipos de empreendedores. Existem os empreendedores natos e aqueles que se tornam empreendedores ao longo da vida. Existem os empreendedores arrojados e os empreendedores pé no chão. Não importando o tipo de empreendedor, todos precisam buscar conhecimento. Saber onde está pisando e estudar para saber qual deve ser seu próximo passo. Calcular os pós e contras. Todos podem vencer na vida e alcançar seus sonhos se lutarem por isso. O sucesso profissional é um desejo de muitos, mas são poucos aqueles que verdadeiramente lutam para obtê-lo. Uma simples ideia pode se tornar realidade e apresentar bons resultados. Para saber mais sobre o assunto abordado leia também clicando aqui