Empreender é revolucionar

O empreendedorismo conta com a capacidade individual de inovar, surpreender e acima de tudo realizar, o que para muitos é apenas uma vaga ideia de sucesso, para outros torna-se a chave de uma mudança radical. A ideia seguida imediatamente de ação, retirar do papel e por em prática sonhos, metas e projetos, contudo ações que tragam algum beneficio a sociedade e até mesmo desenvolvimento individual, seja este financeiro ou em termos de aprendizado e experiencia.

O economista austríaco Joseph A. Schumpeter, no livro “Capitalismo, socialismo e democracia”, publicado em 1942, associa o empreendedor ao desenvolvimento econômico. Temos essa associação presente ao fato crescente nos dias atuais, de cada vez mais pessoas que perdem seus empregos, partirem nessa jornada buscando soluções que tragam retorno financeiro imediato e supra necessidades pessoais e coletivas.

Dicas importantes ao iniciar essa jornada é ter como base a informação, definir prioridades, saber o que está sendo discutido na mídia, o momento vivido pela economia local e mundial, quais são as atividades crescentes e lucrativas, quais os meios que mais se adequam as necessidades de cada um, geralmente buscando inovar/modificar algo existente, transmutando aquilo para algo atrativo e lucrativo.

Conforme podemos ler no artigo

“Para começar, defina o seu público e entenda o que ele quer. Aquela vontade de oferecer um pouco de cada coisa e atender a todos ao mesmo tempo deve ser deixada para trás”

É imprescindível uma análise de mercado e critério estipulados para ter segurança e não cair em armadilhas que podem levar seu projeto ao buraco literalmente. Empreendedorismo não deve ser restrito a empresas ou empresários, um funcionário deve ser empreendedor em suas atitudes, qualquer pessoa que busque novos horizontes nos negócios e projetos bem sucedidos são sem dúvidas empreendedores, que podem buscar soluções práticas e rentáveis para qualquer situação.

Outro fator importante a ser mencionado é o aumento constante das franquias, um método eficaz para quem pretende começar a carreira de empresário, com condições já estabilizadas e seguras, tendo assim garantia de retorno, posto que a marca já é conhecida no mercado, há assistência financeira, logística e etc, além de suporte tecnológico e meios de propaganda. Claro não podemos descartar as desvantagens também, assim como a rigidez dos meios de negócio, impossibilitando implementações de novas ideias, propagandas e até menos novos produtos, a base pré estabelecida pela marca deve ser seguida a risca, inclusive nos pagamentos de taxas e royalties, independente do número de vendas. É algo a se pensar e pesar afinal continua-se um funcionário de outrem de qualquer forma.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *